Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, XXII Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica da UTFPR

Tamanho da fonte: 
Determinação das propriedades físicas da cama aviária submetida a compostagem com dimensões reduzidas
Rebeca Santana de Freitas, Caroline Oliveira, João Pedro Godoi, Reinaldo Morita, Danielle Cristina Silva

Última alteração: 2018-06-13

Resumo


O objetivo deste trabalho foi determinar os parâmetros físicos de uma cama aviária submetida a uma compostagem com dimensões reduzidas.  MÉTODOS: A compostagem foi conduzida por 32 dias, sendo que, a cada dois dias houve o revolvimento da cama, medindo a umidade e a cada seis dias foi retirada as amostras para a determinação do pH, temperatura, teor de cinzas e de nitrogênio. RESULTADOS: Foi observado o aumento acentuado na temperatura da leira de cama submetida a compostagem, porém, a partir do segundo dia a temperatura foi diminuindo. Fato, possivelmente associado ao tempo muito curto entre os revolvimentos, perdendo assim temperatura para o ambiente, e visto que, a temperatura relativa do ambiente estava muito baixa durante o período. Sendo influenciado por este parâmetro, o pH também apresentou um comportamento incomum a partir do sexto dia. O teor de cinzas diminuiu ao longo do tempo, situação que demonstra o aumento na matéria orgânica e um comportamento contrário do esperado. No caso do teor de nitrogênio total, observou o aumento logo nos primeiros dias de compostagem, contudo, diminuiu no último dia da amostragem. CONCLUSÕES: A compostagem da cama aviária utilizando dimensões reduzidas ocorreu, no entanto, a evolução do processo de compostagem pode ter sido limitada pela diminuição da temperatura da leira. E, por fim, os parâmetros avaliados foram necessários para a identificação da compostagem, assim como, outros parâmetros não realizados são de fundamental importância.

 


Palavras-chave


Compostagem; Cama aviária; Propriedades físicas.