Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, XXII Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica da UTFPR

Tamanho da fonte: 
A flora da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, campus Ponta Grossa, como subsídio para o ensino de Ciências e Biologia
Millene Oliveira, Andreia de Fátima Olegario, Jézili Dias, Lia Maris Orth Ritter Antiqueira

Última alteração: 2018-06-22

Resumo


OBJETIVO: O presente trabalho teve como objetivo identificar a diversidade de espécies da flora encontrada nas mediações do campus a fim de reconhecê-las para explorar suas potencialidades como recurso didático para o ensino de Ciências e Biologia, conciliados à Educação Ambiental. MÉTODOS: A coleta do material botânico foi realizada seguindo a metodologia proposta por Filgueiras et al. (1994), sendo identificadas a partir de literatura especializada e posteriormente armazenadas para confecção de exsicatas e depósito em herbário. RESULTADOS: Constatou-se a presença de diversos exemplares de espécies históricas e com risco de extinção, tornando-se clara a riqueza e diversidade presente na flora do campus. CONCLUSÕES: As mediações da universidade caracterizam-se como ambiente não formal com alto potencial para promover educação diferenciada devido à sua grande área e disponibilidade de recursos naturais.

 


Palavras-chave


Ambientes não formais de Ensino; Botânica; Ensino de Ciências;