Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, XXIII Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica da UTFPR

Tamanho da fonte: 
Estudo comparativo de modelos de estimativa de produção de biogás a partir de resíduos agroindustriais
JULIANA AKEMI IZUMI, Laercio Mantovani Frare

Última alteração: 2019-08-17

Resumo


Este trabalho teve por objetivo sistematizar os modelos matemáticos de Boyle, para estimar o potencial bioquímico de metano a partir de resíduos da avicultura e do Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC), para estimar a produção de Biogás a partir de resíduos da suinocultura. A metodologia consistiu na comparação da aplicação dos modelos com dados de estudos experimentais já realizados na área. Ao aplicar o modelo de Boyle o resultado teórico foi discrepante e maior do que o valor real, obtido no estudo. Já o modelo desenvolvido pelo IPCC se mostrou próximo ao valor real e menor. Entre os dois modelos, concluiu-se que o modelo de Boyle é mais indicado para estudos qualitativos pois permite o cálculo estimado dos gases que compõe o biogás e é mais simples de ser aplicado se possuir a análise elementar do substrato. Com relação ao modelo do IPCC são necessários dados mais detalhados de suinocultura, como o número de animais e o controle dos seus resíduos, porém apresentou resultados mais próximos do real, o que o torna indicado para o uso quantitativo

Palavras-chave


Boyle; IPCC; Biogas

Texto completo: PDF